iFolha - Folha grava entrevista com filha desesperada por mãe estar com sintomas de dengue hemorrágica

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 18 de Setembro de 2019
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 16/09/2019
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 28 de Abril, 2019 - 17:52
Folha grava entrevista com filha desesperada por mãe estar com sintomas de dengue hemorrágica

A Folha da Região e a rádio Cidade FM, gravaram entrevista na noite da segunda-feira desta semana, dia 22, com a filha de uma mulher de 68 anos de idade, que estava na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), há pelo menos 30 horas, com fortes sintomas de dengue hemorrá­gica, que é considerada a mais perigosa. Desesperada, Marcela de Fátima da Silva dos Reis (foto), dizia que estava revoltada com a falta de vaga não apenas na Santa Casa de Olímpia, mas em qualquer hospital da região, para o tratamento de sua mãe.

“Minha mãe está com dengue hemorrágica. Ontem (domingo), hora que ela chegou aqui (na UPA), as plaquetas estavam em 41. Ela ficou no soro. Hoje já repetiu o exame e as plantas baixaram para 26. Então, ela está caindo e na fila aguardando vaga na Santa Casa”, avaliou a situação.

Marcela de Fátima falou do estado de desespero da família com a situação que a saúde estava chegando. “Se cair mais ela vai precisar tomar sangue e para isso tem que ser internada na Santa Casa. É isso nossa revolta”, explicou.

No entanto, mesmo com todo esse problema Marcela de Fátima elogiou o trabalho e o atendimento que os funcionários da UPA estavam prestando a sua mãe. “São ótimas pessoas”, destacou principalmente em relação a médico e enfermeiras.

De acordo com ela, o médico é bastante capacitado para o atendimento, mas o problema é a falta de leito na Santa Casa. “Se a acontecer algo com ela aqui (UPA) vou tomar minhas providências”, asseverou dando a entender que o caminho será a via judicial.

Inclusive Marcela de Fátima fez questão de ressaltar que não seria uma apenas na Santa Casa de Olímpia, mas que poderia ser em outra cidade como, por exemplo, Barretos ou São José do Rio Preto. “Que tenha a vaga e nós a levamos”, disse.

Mas a preocupação e o desespero são tantos que a mulher voltou a falar que não aceitaria qualquer outro resultado a não a melhora da saúde da mãe. “Eu não posso perder minha. Eu não quero perder minha mãe. Eu não vou aceitar se acontecer alguma coisa com ela aqui dentro”, finalizou.

SAÚDE NÃO TRATA MAIS DENGUE HEMORRÁGICA

A assessoria encaminhou uma nota de esclarecimento sobre Dengue Hemorrágica, explicando que para o Ministério da Saúde não existe mais a suspeita de dengue hemorrágica, mas dengue com sinal de alarme e dengue grave.

Leia a seguir o inteiro teor: “A secretaria de Saúde de Olímpia, por meio do setor de Vigilância Epidemiológica, esclarece que há duas pacientes internadas na Santa Casa com dengue e ambas estão sem sinais de hemorragia. De acordo com a Vigilância, em determinação do Ministério da Saúde, está em desuso a expressão “dengue hemorrá­gica”, sendo utilizado dengue com sinais de alarme e dengue grave, dependendo da gravidade e tipos de sintomas apresentados”.

Por outro lado, também segundo a nota, “Já está em funcionamento no local, de forma provisória, só que em cadeiras convencionais até que cheguem as de hidratação. Isso deve ocorrer até o começo da próxima semana”.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
16 de Setembro, 2019
A foto - 171
16 de Setembro, 2019
A morte do bebê em Severínia e a divisão de Olímpia em Casa Grande e Senzala foram os principais temas do Cidade em Destaque de segunda-feira, 16.09.2019. - 197
16 de Setembro, 2019
As superstições da Sexta-feira 13, mulher andando pelada, calor insuportável e as notícias de polícia foram os temas do Cidade em Destaque de sexta-feira, 13.09.2019. - 157
16 de Setembro, 2019
Primavera pede pratos coloridos e saudáveis - 166
16 de Setembro, 2019
Cleber & Cauan acabam de lançar o álbum Surreal - 214


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       


















Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites