iFolha - Carta Aberta a Caia Piton

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 22 de Novembro de 2017
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 21/11/2017
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Social
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Coluna do Ivo
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Olímpia FC - TV
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 07 de Maio, 2017 - 16:58
Carta Aberta a Caia Piton

SE QUISER OUVIR A COLUNA, CLIQUE AQUI E OUÇA!

REALMENTE ...

... não dá para entender as atitudes que vem tomando nos últimos dias, o gestor da empresa Tuti Administradora, Caia Piton, que durante vários anos ficou à frente do Thermas de Olímpia Resort, o empreendimento pioneiro da área em nossa estância turística. E, também à frente do Departamento Jurídico do Thermas dos Laranjais.

JOVEM, ...
... inteligente, conhecimento, tudo isso é patente. Mas, provocar briga com a família de Benito Benatti, mais precisamente com seu filho Maurício, dentro de sua gestão no resort e, ao depois, vir despejar seu ódio mortal contra o vice-presidente do Thermas, Jorge Noronha e a gerente geral do Parque, Débora Vicente, que não têm nenhuma ligação com o empreendimento, não dá para entender.

CLARO, ...
... os mais próximos sabem. Tem até conversa no grupo de watsapp do seu pessoal em que diz que deu sua palavra para Débora, mas que os seguidores não haviam dado e, portanto, se eles não fizessem o grupo vencer as eleições que resultaram na eleição da nova síndica do Resort, eles iriam derrubar a família Benatti do Therms. Esse é o respeito que você tem pelo idealizador daquilo que se não existisse você não teria ganhado tanto como ganhou nos últimos anos? Aliás, quem pode saber exatamente quando você ganhou?

CONTRA ...
... este jornalista, tudo bem. Estou acostumado às investidas dos línguas compradas e você mesmo é testemunha de que tudo que faço e tento fazer, por mais que possa desclassificar a sua ira repentina, é em nome de uma cidade em que nasci e onde sobrevivo há mais de 50 anos, sempre agindo por ela, a cidade não pelo meu umbigo como você está demonstrando fazer.

PODERIA ...
... hoje estar muito bem de situação, sim senhor. Mas, ao contrário, embora nunca, ao longo desta jornada, tenha passado qualquer tipo de necessidade, sobrevivo graças ao trabalho exercido em prol de minha comunidade. Claro, também não tenho nada contra quem quer ganhar dinheiro. Mas, pra mim ele serve para a sobrevivência, não sou escravo dele.


A ÚNICA ...
.. herança que deixarei para minha filha e para minha neta será o nome e a educação que uma recebeu e a outra está acumulando.


CLARO, ...
... ninguém é perfeito. Não sou ungido e nem me arvoro como Rei ou Deus, em razão disso sempre estudei e vou morrer estudando, justamente para entender estes feixes de energia chamados seres humanos, complexos, únicos e que parecem exercer cada um a sua vida como se fosse um teatro, uma representação, eis que ninguém é dono da verdade, mas de apenas uma mera percepção dela, corrompida pelos sentidos, pela formação moral, pelos traumas e por muitas outras circunstâncias mais.


PESSOALMENTE, ...
... convivo e defendo abertamente o criador do Thermas, Benito Benatti, desde o início, quando conseguiu movimentar a cidade para que esta pudesse ter acesso aos canais de televisão e acabou por montar o sistema integrado de repetição de TV que funciona até hoje na Cecap.


MUITAS ...
... foram as divergências. Tivemos até discussões ríspidas. Mas, de uma forma ou de outra, acabei participando de sua vida, seja através de conversas em seu escritório, seja através de tomadas de posição pessoal no próprio jornal que trabalhei por várias décadas e do qual hoje sou um editor colaborador.


E VOCÊ, ...
... Caia é testemunha de tudo isso. Já que também o auxiliei, direta ou indiretamente, na maioria das situações que foram enfrentadas pelo Thermas e das quais você participou.


CAUSA ...
... estranheza neste seu momento de instabilidade, por situações que foram criadas por você mesmo, vir a público cobrar informações particulares que você como advogado, com certeza deve saber, pois deve ter orientado para que assim se procedesse, portanto, partícipe de tudo que possa estar questionando, ao que parece, com o mero objetivo de desviar a atenção dos seus próprios erros, cometidos naquilo que você e sua mãe chamam de uma gestão maravilhosa e esplendorosa à frente do Resort.


CLARO, ...
... você, como advogado do Thermas, com certeza, tem acesso a todos os dados que você mesmo está tentando cobrar e ainda também deve ter sido consultado sobre tais temas e orientado como deveria ser o procedimento. E já ouvi de você que o Thermas, como associação, deve prestar contas aos seus associados, ao seu conselho deliberativo e, também tem que passar e passa pelo crivo de uma auditoria e não para toda a sociedade.


ALIÁS, ...
... no seu caso, também não teria necessidade e ninguém está cobrando publicamente que você preste contas de sua administração frente ao Thermas de Olímpia Resorts, que, ao que se comenta, teria uma divida passando dos R$ 15 milhões. Mas isso é problema dos investidores para os quais você teria trabalhado todos estes anos. Não cabe ao jornalista, nem ao próprio público em geral, questionar. Mas é só consultar o site da justiça para ver quantos processos existem e que estão reclamando de pagamentos que não aconteceram.


UM DELES, ...
... inclusive, versa sobre uma dívida de quase R$ 380 mil de lençóis que não teriam sido pagos. Ora, o processo é público, mas ninguém pode afirmar que é calote, pois ainda não foi decidido e toda gestão está sujeita a realização de negócios que necessitam da chancela da justiça para que possam ser considerados corretos.


A RECLAMAÇÃO ...
... de funcionários que ficaram sem receber. As perseguições e atitudes intempestivas tomadas dentro do Resort que administra ou administrava, que foram divulgadas pela rede, tudo isso se dá dentro de um condomínio (uma espécie também de associação) que tem seus associados e a eles cabe cobrar a fatura.


PARA CONCLUIR,...
... caro Caia, grande gestor de um mundo irreal e de luxo e de glamour, como você pode afirmar que quer proteger e blindar ou blindou o presidente do parque, se você mesmo já afirmou, inclusive para este jornalista e você sabe que meu telefonemas são gravados, que tem que por um fim no ciclo dele no parque? Ora Caia, caia na real! Acorde! Você meteu os pés pelas mãos. E é uma pena, pois, tirando as fotos gigantes e a necessidade de se mostrar e demonstrar uma vida luxuriante (no sentido do Houaiss) que não cabe mais nos tempos modernos, você teria condições de ir longe. E mais pesaroso ainda é achar que, pelo jeito, você está servindo de boi de piranha para vilões que não têm nenhum interesse na Olímpia turística, mas, sim e principalmente, no próprio bolso. Acorda Olímpia, ou salve-se quem puder.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
21 de Novembro, 2017
Réveillon 2018 será no estacionamento do Thermas com shows sertanejos e escola de samba - 92
20 de Novembro, 2017
Futuro - 33
20 de Novembro, 2017
Cirurgia de correção pode ser a solução para aumentar a autoestima - 33
20 de Novembro, 2017
CD Na Luz do Som - Victor & Leo está nas lojas - 28
20 de Novembro, 2017
O filme Como Se Tornar um Conquistador chegou nas locadoras - 29


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       
































Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites