iFolha - Cerca de 39% da população não comparece ou vota branco e nulo

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 14 de Novembro de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 13/11/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Canal da Nicole
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 03 de Novembro, 2018 - 22:05
Cerca de 39% da população não comparece ou vota branco e nulo

Embora com pouca diferença para mais quando a comparação é feita com os resultados da votação em primeiro turno, no dia 5 de outubro, próximo passado, 39,07% dos eleitores, provavelmente em desaprovação aos nomes apresentados, deixaram de votar em um candidato ao cargo de presidente da República, na votação em 2.º Turno, realizada no domingo passado, dia 28, no município de Guaraci, que ficou com o maior percen­tual entre todos.

Isto, pelo menos, é o que se pode depreender dos números da Justiça Eleitoral, seja da 80.ª Vara (Olímpia), seja da 171.ª (Monte Azul Paulista – que conta com os municípios de Cajobi e Embaúba, ambos da Comarca de Olím­pia, principalmente dos indicativos de abstenções (quando o eleitor não comparece às urnas), votos em branco e votos nulos.

Considerando os números de toda a microrregião de Olímpia, 36,74% em média, deixaram de escolher um candidato ao cargo de presidente no 2.º Turno das eleições, ou seja, mais de um terço dos eleitores cadastrados e em condições de voto.

Vale destacar que no sistema eleitoral vigente embora o voto seja obrigatório, quem não quiser votar ou deixar de comparecer (abstenção) é só justificar após as eleições. Já outras formas de protesto que são permitidas são o voto branco ou nulo, formas disponíveis nas urnas eletrônicas.

O segundo maior índice foi registrado no município de Altair, um antigo reduto petista da microrre­gião. Lá 38,24% deixaram de escolher o nome de um dos dois candidatos que foram selecionados em primeiro turno, quando a disputa envolvia mais de uma dezena deles.

Depois¸ em terceiro lugar, aparece o município de Olímpia, onde os per­cen­tuais de abstenção, votos brancos e votos nulos, to­talizaram 36,76%, pouca coisa a mais do que se verificou no primeiro turno.

O município de Cajobi (171.ª Zona Eleitoral) também não ficou muito distante em relação aos mesmos fatores. Lá foram 35,97%, enquanto Seve­rínia registrou 35,49% e Embaúba 31,37%, o menor índice da Comarca de Olímpia.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
13 de Novembro, 2018
Thermas dos Laranjais é a 4.ª melhor do Brasil em gestão de pessoas do “Valor Econômico” - 62
13 de Novembro, 2018
3.º Jantar Beneficente em prol da Santa Casa lota o salão social do Thermas dos Laranjais - 85
13 de Novembro, 2018
Geninho entra com Habeas Corpus para não quebrar o seu sigilo bancário e fiscal - 305
12 de Novembro, 2018
O caos na Saúde pública local e a miopia de quem se nega a ver - 94
12 de Novembro, 2018
Tratando a pele do modo certo - 63


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites