iFolha - Ecoturismo pelo Paraná pode ser uma boa opção

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 15 de Abril de 2021
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 15/04/2021
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 23 de Março, 2021 - 16:12
Ecoturismo pelo Paraná pode ser uma boa opção

1- A viagem de trem que faz o trajeto Curitiba-Morretes, da Serra Verde Express, é uma atração sobre trilhos com paisagens naturais, belos cenários, fauna e flora que formam a Serra do Mar paranaense / Divulgação-Serra Verde Express

 

2- Após o almoço típico, o famoso barreado, o turista que visita Morretes ainda pode embarcar em uma aventura pela natureza, a bordo de veículos 4x4, que percorrem estradas de terra e rios de água cristalina / Divulgação-Serra Verde Express

 

3- Com cerca de 128 hectares na região da Lapa, a Mata do Uru é uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) e é formada por uma floresta de araucárias e campos naturais / Divulgação-Rodolfo Bührer

 

4- Parte do município de Paranaguá, a Ilha do Mel é um dos lugares mais lindos e apreciados para ecoturismo no Estado do Paraná. Com biodiversidade, mar azul e praticamente sem ondas, é um local ideal para descanso / Divulgação-Serra Verde Express

 

5- Ekôa Park, o parque ecológico localizado em Morretes traz experiências imersivas no turismo ecológico. Com atividades culturais, artísticas, de aventura e de lazer,  o Ekôa Park conta com atrações para todas as idades / Divulgação- Albori Ribeiro

 

Ecoturismo pelo Paraná pode ser uma boa opção

 

O ecoturismo está em alta, ainda mais agora que a recomendação é evitar aglomerações dando preferência a lugares abertos em meio à natureza, como forma de prevenir o contágio e a disseminação do novo coronavírus. Além disso, não é novidade que os turistas têm buscado cada vez mais destinos para fugir da rotina agitada e ter um momento de descanso. É claro que a responsabilidade de preservação da fauna e flora e a preocupação com o meio ambiente também devem ser levados em conta na hora de escolher o momento de lazer.

No ecoturismo, o viajante tem a oportunidade de conhecer lugares com belezas naturais preservadas e interagir com a cultura local por meio de atividades que não trazem nenhum impacto ao meio ambiente, garantindo a sobrevivência dos biomas nativos.

Busca de ambientes para tranquilidade e energização, conexão com a natureza, desligamento das atividades do meio urbano, mergulho em águas cristalinas e trilhas em meio à vegetação são alguns atrativos que o ecoturismo traz. Segundo levantamento Demanda Turística Internacional, realizado pelo Ministério do Turismo, o Brasil é considerado um dos principais destinos de turismo ecológico no mundo.

A Mata Atlântica é uma das regiões mais ricas do mundo em biodiversidade e hoje é considerada um dos biomas mais ameaçados do planeta, contando com apenas 12,5% de suas florestas originais. Localizada nos Estados do Paraná, São Paulo e Santa Catarina, a maior área preservada contínua da Mata Atlântica, a Grande Reserva, conta com cerca de 80 negócios de turismo sustentável, biodiversidade numerosa e muitas opções de turismo ecológico. Confira cinco sugestões de passeios de ecoturismo para realizar na Grande Reserva Mata Atlântica, no Paraná.

Localizada em Morretes, a cachoeira Salto dos Macacos tem 70 metros e conta com atrativos como o tobogã natural que desce pela parede de pedras e cai sobre uma piscina natural de onde é possível enxergar o conjunto de montanhas do Marumbi. Para chegar até lá, é preciso percorrer uma trilha imersa na natureza que leva em torno de duas horas para ser concluída. Para evitar que turistas permaneçam em meio à mata após anoitecer, a subida funciona apenas entre 7 e 9 horas da manhã. O retorno deve começar até às 15 horas, independentemente da previsão do tempo. 

Sabe quando a sua janela se torna um cenário de filme ou pintura de quadro? A viagem de trem que faz o trajeto Curitiba-Morretes, da Serra Verde Express, é uma atração sobre trilhos com paisagens naturais, belos cenários, fauna e flora que formam a Serra do Mar paranaense. Durante o passeio em trem turístico, o viajante consegue apreciar a natureza e, chegando em Morretes, ter o contato com a comunidade local e conhecer mais sobre a história da cidade. Após o almoço típico, o famoso barreado, o turista ainda pode embarcar em uma aventura pela natureza, a bordo de veículos 4x4, que percorrem estradas de terra e rios de água cristalina.

Com cerca de 128 hectares na região da Lapa, a Mata do Uru é uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN). A mata é formada por uma floresta de araucárias e campos naturais. Desde 2003, a área foi adotada pela Posigraf, que garante os recursos para manter a sua conservação. O passeio conta com uma trilha de 653, metros com duração de aproximadamente 30 minutos. A trilha foi adaptada para diferentes tipos de públicos e conta com guias que explicam os detalhes e características da fauna e flora encontradas no local, tendo como objetivo a disseminação da educação para conservação da natureza.

Nada como uma trilha seguida de cachoeiras para curtir um turismo ecológico. As Cachoeiras do Jajá ficam a aproximadamente 50 km de Curitiba, pouco antes de chegar em Morretes. Contam com algumas quedas, além das piscinas naturais. Ideal para toda a família, com estrutura pronta para atender os turistas. Com acesso com um ingresso individual pago, a atração oferece banheiro com chuveiro, estacionamento, cancha de areia, além de quiosques com churrasqueiras para alugar. 

Parte do município de Paranaguá, a Ilha do Mel é um dos lugares mais lindos e apreciados para ecoturismo no Estado do Paraná. Com biodiversidade, mar azul e praticamente sem ondas, é um local ideal para descanso. Para aqueles que gostam de aventuras, a ilha ainda conta com trilhas em meio a natureza. A travessia deve ser feita pelo mar, de barco ou lancha. Não é permitida a tração animal ou a motor na ilha. Existem muitas áreas onde também não é permitida a presença de visitantes. A ilha possui quatro pontos turísticos de destaque: ao Norte, a Fortaleza; no centro, Nova Brasília e o Farol das Conchas; e ao Sul Encantadas. Há possibilidade também de fazer um tour náutico pela ilha. 

Ekôa Park, o parque ecológico localizado em Morretes, traz experiências imersivas no turismo ecológico. Com atividades culturais, artísticas, de aventura e de lazer,  o Ekôa Park conta com atrações para todas as idades, como arvorismo, tirolesa, túnel sensorial pela mata, rapel e voo cativo de balão. Outra opção são as trilhas em diferentes níveis de dificuldade, que trazem histórias sobre as expedições indígenas que aconteciam no local e promovem uma imersão na natureza. O parque abriga ainda o primeiro Centro de Informações da Grande Reserva Mata Atlântica, que direciona os turistas para as atividades de turismo sustentável disponíveis dentro da maior área remanescente do bioma. O Ekôa Park está localizado no Km 18,5 da Estrada da Graciosa e está aberto para visitação (mediante reserva antecipada) em tempos normais de quinta a domingo e em feriados, das 9 às 17 horas.

Mas, como estamos em meio a uma pandemia, qualquer viagem deve ser muito bem planejada. O ideal é ficar na segurança de seu lar e esperar esse tempo tribulado passar. Mas, caso opte por fazer uma viagem em meio à natureza para escapar do estresse, informe-se antes de sair como estão as medidas de segurança e prevenção à Covid-19 e se o lugar visitado está aberto ao público, ou mesmo se está com restrições.


 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
15 de Abril, 2021
Bombeiro incendiário teve que ser escoltado para prestar depoimento na prefeitura e cinco entidades representativas de jornalistas formam comissão para acompanha caso do editor da Folha, foram os temas do Cidade em Destaque de quarta-feira, 14.04.2021. - 24
15 de Abril, 2021
Cidade em Destaque de terça-feira, 13.04.2021 comentou a intolerância e ódio incontidos: advogados jogam ácido em carro de outro advogado. - 26
14 de Abril, 2021
Com 06 mortos em 03 dias Olímpia vai a 18 em abril e 172 na pandemia - 110
14 de Abril, 2021
Casos confirmados de covid caem de 50 para média de 30 por dia - 88
14 de Abril, 2021
Pista da ponte da Waldemar com Aurora está interditada - 65


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       














Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites