iFolha - Enteado que matou “Tiguaça” foi preso acusado de tráfico

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 16 de Fevereiro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 11/02/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 01 de Setembro, 2019 - 18:43
Enteado que matou “Tiguaça” foi preso acusado de tráfico

Acusado de tráfico de drogas João Carlos Garrido, de 34 anos, vulgo “Kaka”, morador no jardim Alvorada, foi autuado em flagrante na madrugada de sexta-feira, 30, na rua Mário Vieti, no jardim Álvorada, onde reside. Ele estava de ”saidinha” e não retornou a penitenciária de Jardinópolis, onde cumpre pena de aproximadamente 13 anos de reclusão por ter assassinado seu padrasto Antonio Carlos Tofaleti, o “Tiguaça”, de 54 anos, em março de 2017.

O flagrante de tráfico aconteceu no interior do imóvel onde a polícia apreendeu 13 trouxinhas de maconha e 10 pinos de cocaína. Também foi preso seu cúmplice Bruno Rafael Lima, de 23 anos, morador no Santa Fé. Na audiência de custódia o flagrante foi convertido em prisão preventiva para os dois acusados.

LATROCÍNIO EM 2017

João Carlos Garrido é acusado de ter assassinado em março de 2017, seu padrasto Antônio Carlos Tofaleti, vulgo “Tiguaça”, por enforcamento. Ele agiu juntamente com Lucas Ricardo Blanco, vulgo “Sossego”. Depois ocultaram o cadáver no sítio Santa Maria, tendo o corpo sido encontrado apenas depois de um mês.

A dupla roubou o veículo Opala, Comodoro e R$ 28 de “Tiguaça” e fugiu, caracterizando o crime de latrocínio. “Kaka” foi condenado a cerca de 13 anos de reclusão em regime fechado. No entanto, com a progressão do regime ele foi beneficiado na “saidinha” do dia dos pais e não retornou a prisão na data estipulada. Com isso, foi considerado foragido.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
11 de Fevereiro, 2020
Férias curtas? - 88
11 de Fevereiro, 2020
Ter atitudes positivas e viver de bem com a vida é essencial - 159
11 de Fevereiro, 2020
Lexa acaba de lançar “Aquecimento da Lexa” - 140
11 de Fevereiro, 2020
O filme "Vendo da Liberdade" já está disponível - 157
11 de Fevereiro, 2020
Purê ao Forno - 105


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       




















Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites