iFolha - Mais óbito na 4ª feira faz Olímpia chegar 65 mortos por Covid-19

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 29 de Outubro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 29/10/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 14 de Outubro, 2020 - 19:37
Mais óbito na 4ª feira faz Olímpia chegar 65 mortos por Covid-19

CURVA DESCENDENTE!
Na quarta morreu mais um homem, José Luiz
da Silva, de 77 anos, que ficou hospitalizado
na UTI de Santa Casa por 15 dias.
Com mais
um falecimento, Olímpia piora ainda mais
seu índice de mortes por 100 mil habitantes
que quase chega a 118 (117,90), muito
acima da média brasileira e mundial.

 

Com a confirmação de mais um óbito por complicações da Covid-19, a de um senhor de 77 anos, José Luiz da Silva, que estava hospitalizado na UTI de Santa Casa por 15 dias, Olímpia chegou aos 65 mortos durante a pandemia e ao sétimo no mês de outubro, mantendo a mesma média de setembro quando foram registrados praticamente um caso a cada dois dias.

Na terça-feira, 13, com confirmação de que três mulheres e um homem haviam morrido vítimas da Covid-19 no final de semana prolongado.

A 61.ª morte pela doença causada pelo novo coronavírus no município, na verdade aconteceu no sábado, 09, mas só foi confirmada, em razão de alterações de protocolo, já que a pessoa veio a óbito após o período de incubação do vírus (inclusive realizando o velório), só foi confirmada no boletim de terça-feira, 13.

A 61ª vítima da Covid, portanto, foi Elizabete Aparecida Correia Feliciano, de 61 anos de idade, que faleceu no sábado, 09, após um longo período internada na UTI da Santa Casa de Bebedouro. Ela chegou a se recuperar da doença, mas foi vencida por outras complicações.

62.ª morte confirmada pela secretaria da Saúde foi de Celcina Xavier dos Santos Ribeiro, de 86 anos de idade. Ela estava internada na Santa Casa de Olímpia onde faleceu na manhã deste domingo, 11.


A 63.ª veio a óbito no feriado da segunda-feira, 12, na Santa Casa de Olímpia. Trata-se de Arlindo Marques de Carvalho, 88 anos.

A 64ª, que também faleceu na Santa Casa na segunda-feira, 12, é Izaura Valeriano,  87 anos.

A 65.ª, na quarta-feira, 14, foi a de José Luiz da Silva, de 77 anos, que ficou hospitalizado na UTI de Santa Casa por 15 dias.

Portanto, oficialmente, em outubro, Olímpia registrou sete óbitos por Covid-19 e outras quatro suspeitas que foram descartadas posteriormente, com seus familiares enterrando seus entes sem ter direito a dar o último adeus, com o corpo acondicionado em saco plástico e o caixão lacrado.

A 60.ª morte oficial por Covid-19 em Olímpia aconteceu na quarta-feira, 07, quando veio a óbito, Hilaide Miniussi Pedrozo, 88 anos, sem chegar a ser internada, falecendo quando estava sendo atendida na UPA. Foi feito o teste Rápido que confirmou a Covid-19.

A 59.ª, aconteceu no domingo, 04, com a morte de Ana Siqueira da Costa, 73 anos, que estava infectada pelo novo coronavírus, mas não estava internada em nenhum hospital de Olímpia e região, faleceu em sua casa.

UM DOS PIORES DO MUNDO EM NÚMERO DE MORTOS POR 100 MIL HABITANTES

Por outro lado, com 65 casos registrados até aqui, Olímpia passa a ter um número de casos de mortes por Covid-19 por 100 mil habitantes bem superior a média brasileira, situando-se entre os piores índices do mundo com 117,90 óbitos por 100 mil.

Na conta feita pelos especialistas, divide-se o número de mortes (64) pelo número de habitantes (55.130) e depois se multiplica o resultado por 100 mil, o que dá um resultado de 117,90.

OUTROS NÚMEROS

Até agora morreram 45 homens e 20 mulheres; 02 em maio, 03 em junho, 05 em julho, 31 em agosto, 17 em setembro e 07 em outubro. Quanto a idade, a faixa com maior número é a entre 70 a 79 anos com 20 óbitos (14 homens e seis mulheres); depois vem os que estão entre 80 e 89 também com 18 (11 homens e 07 mulheres); em terceiro os que se situam entre 60 e 69 com 14 (09 homens e 05 mulheres); depois vem os que estão entre 50 e 59, cinco homens; entre 40 e 49, dois homens e uma mulher; de 30 a 39 três homens; e nos dois extremos, com menos de 29 e acima de 90 apenas um cada.

OS CASOS DE OLÍMPÍA

A secretaria de Saúde de Olímpia informou na quarta-feira, 14, que recebeu 35 resultados negativos para Covid, 11 positivos. Além disso, 19 notificações suspeitas foram registradas e, por outro lado, mais 43 pessoas estavam recuperadas. Com as atualizações, Olímpia passou a possuir neste dia 2.569 casos confirmados, dos quais 2.472 curados (96%), 65 vieram a óbito e 9 estão internados em hospitais de Olímpia e Rio Preto (3 em UTI e 6 na enfermaria). O município aguarda resultados de 72 suspeitos, incluindo três hospitalizados. Os casos positivos são os de 06 mulheres (21, 29, 30, 32, 41 e 48 anos) e 05 homens (26, 43, 43, 51 e 69). Apenas um acima dos 60 anos.

BOLETIM DA SANTA CASA

A Santa Casa informou na quarta-feira, 14, através de sua página no Facebook, por volta de 17 horas, que na ala para tratamento de Covid-19 (2.º andar do hospital) havia 15 pacientes internados (confirmados e suspeitos), com 05 leitos de UTI ocupados (50%), 04 dos cinco leitos de suporte ventilatório pulmonar tomados (90%) e 06 na enfermaria (60%) que tem 10 leitos específicos para o tratamento da doença.

Na enfermaria, estavam 06 pacientes, todos de Olímpia, 4 com covid-19 e 2 com suspeita.

Nos leitos de suporte ventilatório 04 pacientes, 02 com covid, (01 de Olímpia e 01 de Severínia), e 02 com suspeita, também de Olímpia e Severínia.

Na UTI havia 05 internados, 4 confirmados para covid-19 (03 de Olímpia e 01 de Severínia), e 1 com suspeita, de Olímpia.

A Santa Casa informa, com pesar, que registrou 01 óbito por covid nesse dia 14, de um paciente de Olímpia, de 77 anos. Desde o início da pandemia o hospital registrou 50 óbitos por covid-19, sendo 30 de Olímpia, 11 de Severínia, 5 de Cajobi, 2 de Guaraci, 1 de Altair, 1 de Colina.

COVID-19 É A DOENÇA PROVOCADA PELO CORONAVÍRUS

Desde o início de fevereiro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) passou a chamar oficialmente a doença causada pelo novo coronavírus de Covid-19. COVID significa COrona VIrus Disease (Doença do Coronavírus), enquanto “19” se refere a 2019, quando os primeiros casos em Wuhan, na China, foram divulgados publicamente pelo governo chinês no final de dezembro. A denominação é importante para evitar casos de xenofobia e preconceito, além de confusões com outras doenças.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
29 de Outubro, 2020
Motorista da Daemo denúncia suposta proposta para sabotar água da cidade e juiz manda suspender o “Blog da Verdade” foram os principais assuntos do Cidade em Destaque de quinta-feira, 29. - 67
29 de Outubro, 2020
Gravação surpresa do vereador Niquinha agradecendo as orações que recebeu, mais uma morte por Covid-19 e a extinção do processo do “chapeludo” foram os temas principais do Cidade em Destaque de quarta-feira, 28. - 152
28 de Outubro, 2020
Prefeitura interdita ponte na vicinal Matadouro/Kimberlit - 143
28 de Outubro, 2020
Um de manhã e outro no final da noite. Olímpia teve duas mortes na terça-feira - 169
28 de Outubro, 2020
Coligação recorre ao TRE e garante que o vídeo “viralizado” no “Whats” foi propaganda negativa - 206


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites