iFolha - O livro Tudo Junto e Misturado chegou nas livrarias

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 17 de Dezembro de 2017
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 13/12/2017
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Social
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Coluna do Ivo
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Olímpia FC - TV
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 10 de Outubro, 2017 - 14:13
O livro Tudo Junto e Misturado chegou nas livrarias

Tudo Junto e Misturado
Sasha e Ray sempre passam o verão na velha casa de férias da família. Desde pequenos, os dois dividiram muitas coisas — leram os mesmos livros, correram pela mesma praia, comeram pêssegos colhidos na mesma fazenda, tomaram café da manhã sentados à mesma mesa. Até dormiram na mesma cama, mas nunca ao mesmo tempo. Afinal, eles jamais se encontraram. O pai de Sasha um dia foi casado com a mãe de Ray, e juntos tiveram três filhas: Emma, Quinn e Mattie. Mas o casamento acabou, deixando para trás apenas rancor e ressentimentos. Os dois casaram de novo e formaram novas famílias, mas nenhuma delas pretende desistir da casa de praia, muito menos compartilhá-la. Até este verão. As vidas de Sasha e Ray estão prestes a se cruzar — e, com tudo junto e misturado, as famílias vão mudar para sempre. De Ann Brashares, o livro tem 336 páginas e é um lançamento da Editora Seguinte.



Não Vai Acontecer Aqui
Um homem vaidoso, falastrão, anti-imigrantes e demagogo concorre à presidência dos Estados Unidos — e ganha. Buzz Windrip promete aos eleitores americanos que fará o país próspero e grande novamente, mas acaba trilhando um caminho sombrio. Ele declara o Congresso obsoleto, reescreve a Constituição e desencadeia uma onda fascista no país. O novo regime se torna cada vez mais autoritário, e o jornalista Doremus Jessop pensa que logo o presidente será derrubado, mas quanto tempo é possível esperar? Escrito em 1935, "Não Vai Acontecer Aqui" não poderia ser mais atual. Recuperado pela crítica e pelo público após as últimas eleições presidenciais dos Estados Unidos, o livro de Sinclair Lewis discute a fragilidade da Democracia e o espectro fascista que ronda todo regime livre. Um livro de extrema forçaT visionária, que mostra a maestria de Sinclair Lewis em construir uma fábula sobre como a complacência liberal pode se tornar vítima da tirania. Com 408 páginas, o livro é da Editora Alfaguara.



Minhas Plantas
Quem não adora a ideia de ter um cantinho verde em casa? Plantas deixam tudo mais sereno, bonito e cheio de vida. Mas mantê-las vivas… não parece tão simples, não é mesmo? A paisagista, jornalista e apresentadora Carol Costa já foi responsável pela morte de várias plantinhas antes de se tornar profissional no assunto. E nos assegura: todo mundo pode ter um jardim saudável em casa! Desmistificando a ideia de “dedo verde”, ela dá dicas certeiras para todo tipo de emergência, como ingredientes secretos que ajudam orquídeas a florescer, receitas detox contra cochonilhas e o local ideal para deixar a sua suculenta preferida. Em “Minhas Plantas: Jardinagem Pra Quem Mata Cacto”, Carol apresenta as plantas de acordo com sua necessidade de luz e, ao final de cada capítulo, traz um passo a passo para montar arranjos, transplantar orquídeas e até montar um terrário, ensinando todos os “pulos do gato”, “truques ninja” e macetes que reuniu em sua vida de jardineira. Com 280 páginas, o livro é da Editora Paralela.



Pai Pai
João nasceu em Ribeirão Bonito, interior de São Paulo, filho mais velho de uma família de classe média baixa. Desde o início, acompanha a forma rude como o pai José trata sua mãe, de origem mais humilde. É vítima, ainda criança, da violência de José, que não aceita sua natureza de “menino maricas”. Antes de completar 10 anos, João entra num seminário, para escapar do ambiente de casa. “Eu iniciava meu processo de ser outro, um homem, sem deixar de ser o mesmo filho de José, o cachaceiro”. Depois de abandonar o seminário, ele busca sua liberdade, e deixa o Brasil da ditadura para conhecer o mundo. Atravessa graves momentos políticos na América Latina e vivencia a contracultura nos Estados Unidos. Mergulha na escrita e nas artes. Mas a sombra do pai continuará sempre consigo. De João Silvério Trevisan, o livro tem 256 páginas, e é da Editora Alfaguara.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
13 de Dezembro, 2017
Daemo assina contrato para perfuração e reestruturação de poços - 109
13 de Dezembro, 2017
Programação cultural do Natal Encantado continua nesta quinta - 87
13 de Dezembro, 2017
Jurista Luiz Flávio Gomes faz palestra na Casa do Advogado nesta quinta-feira - 114
13 de Dezembro, 2017
Trabalhador fica assustado ao saber de dívida de R$ 200 mil em loja de eletrodomésticos - 669
13 de Dezembro, 2017
Estelionatário vende panela por R$ 100, mas cobra R$ 1000, no cartão de crédito - 429


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       






























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites