iFolha - Prefeito garante que Sta. Casa não fecha e que pode ser municipalizada em caso de insolvência

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 11 de Dezembro de 2018
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 10/12/2018
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Canal da Nicole
Radio iFolha
TViFOLHA

Ifolha

Olimpia, 25 de Novembro, 2018 - 16:19
Prefeito garante que Sta. Casa não fecha e que pode ser municipalizada em caso de insolvência

Sem deixar de responsabilizar o ex-prefeito e deputado federal eleito, Eugênio José Zuliani, Geni­nho e o deputado federal Rodrigo Garcia, agora eleito vice-governador, embora sem considerar que se trate de uma situação ideal, o prefeito Fernando Augusto Cunha promete assumir a Santa Casa de Olímpia, caso a entidade venha a ser objeto de um leilão, caso a dívida seja objeto de uma ação de cobrança judicial.

“A Prefeitura assume e vira um hospital municipal. A Prefeitura de Olím­pia tem caixa para isso. Olímpia está bem administrada. Nós não desperdiçamos dinheiro. Mas Olímpia não vai ficar sem seu único hospital”, enfatizou ao ser questionado durante uma entrevista que concedeu na quarta-feira desta semana, dia 21, ao jornalista José Antônio Arantes e sua filha Bruna Arantes Savegnago, âncoras do programa Cidade em Destaque, que vai ao ar diariamente às 11 horas, na rádio Cidade FM.

Porém, Cunha não considera que a municipali­zação do hospital seja a saída mais adequada para o problema da dívida de R$ 8 milhões, aproximadamente. “Não é o ideal porque a cidade ajuda, mas a gente terá que sacrificar outras coisas porque, atualmente, nós já colocamos quase um milhão de reais por mês e não vai fugir muito do que já é hoje”, comparou.

“Nós (município) não temos dívidas. A dívida da Prefeitura é muito pequena (cerca de R$ 25 milhões) e tem caído. E nós temos uma capacidade de endividamento de até R$ 200 milhões”, explicou

O prefeito aponta que um dos problemas do hospital é que a população não tem porta de entrada na Santa Casa. Só tem acesso pela Unimed, particular, ou pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

Por outro lado, Cunha responsabiliza o ex-prefeito e o deputado federal pela situação em que a instituição se encontra: “A Santa Casa eles a deixaram quebrada, endividada. São cinco milhões de juros de 2%, 2,5% ao mês, porque eles pegaram empréstimo na Caixa Econômica Federal. Eu estava arrumando com o governador Márcio França, no programa Desenvolve São Paulo, a juro zero”.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
10 de Dezembro, 2018
Dia 10 de dezembro: Dia do Palhaço - 32
10 de Dezembro, 2018
Quadrilha rouba a fazenda Baculerê no início da madrugada de 3.ª feira - 107
10 de Dezembro, 2018
Idosa cai no golpe do “falso sobrinho” - 98
10 de Dezembro, 2018
Uma Olímpia “distópica” à espera de dias melhores - 80
10 de Dezembro, 2018
Autônoma perde R$ 920 em compras pela internet - 93


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       




























Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites