iFolha - Sorria; Dispensa do serviço militar

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 05 de Agosto de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 04/08/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 20 de Julho, 2020 - 16:21
Sorria; Dispensa do serviço militar

Dispensa do serviço militar

Um jovem escreveu a seguinte carta para o militar responsável pela dispensa do serviço militar.
Prezado Oficial Militar,
Venho por intermédio desta pedir a minha dispensa do serviço militar.
A razão para isto é bastante complexa e tentarei explicar em detalhes.
Meu pai e eu moramos juntos e possuímos um rádio e uma televisão.
Meu pai é viúvo e eu solteiro. No andar de baixo, moram uma viúva e sua filha, ambas muito bonitas e sem rádio e nem televisão.
A falta do rádio e da televisão fez com que nossas famílias ficassem mais próximas.
Eu me apaixonei pela viúva e casei com ela.
Meu pai se apaixonou pela filha e também se casou com esta. Neste momento, começou a confusão.
A filha da minha esposa, a qual casou com o meu pai, é agora a minha madrasta.
Ao mesmo tempo, porque eu casei com a mãe, a filha dela também é minha filha (enteada).
Além disso, meu pai se tornou o genro da minha esposa, que por sua vez é sua sogra.
A minha esposa ganhou recentemente um filho, que é irmão da minha madrasta.
Portanto, a minha madrasta também é a avó do meu filho, além de ser seu irmão.
A jovem esposa do meu pai é minha mãe (madrasta), e o seu filho ficou sendo o meu irmão.
Meu filho é então o tio do meu neto, porque o meu filho é irmão de minha filha (enteada).
Eu sou, como marido de sua avó, seu avô. Portanto sou o avô de meu irmão.
Mas como o avô do meu irmão também é o meu avô, conclui-se que eu sou o avô de mim mesmo!
Portanto, Senhor Oficial, eu peço dispensa do serviço militar baseado no fato de que a lei não permite que avô, pai e filho sirvam ao mesmo tempo.
Se o Senhor tiver qualquer dúvida releia o texto várias vezes (ou tente desenhar um gráfico) para constatar que o meu argumento é realmente verdadeiro e correto.
Ass. Avô, pai e filho.

 

O caçador

O Joaquim estava caçando perto de um morro no Rio de Janeiro. Logo, ele avista um sujeito voando de asa-delta. Ele aponta a espingarda e manda dois tiros.

Fica observando um pouco e diz para o companheiro de caçada: 

— Oh Manoel, não sei se matei o pássaro, mas que ele largou o homem, largou!
 

O louco no dentista

O dentista do hospício atende um interno que havia extraído um dente na véspera:

— E então? O seu dente parou de doer?

— Sei lá, doutor! O senhor ficou com ele!

 

Visitando o museu

Dois turistas entram num museu e um deles, muito cansado, senta-se numa poltrona.

O segurança do museu vem correndo e, esbaforido, e diz:

— O Senhor não pode sentar aí! Essa é a poltrona de Dom Pedro II.

— Eu sei — responde o turista — Mas fica frio, porque quando ele chegar eu me levanto...

 

Coração ardente

Uma mulher diz para um cara:

— Doutor, acho que o meu problema é sério! Estou com tontura, a minha cabeça está rodando e ainda por cima, sinto um forte ardor no coração.

— Não é nada disso, minha senhora!

— O que é então, doutor?

— Primeiro que eu não sou médico, sou barman. Segundo que a senhora não está tonta, está bêbada. E terceiro, o seu coração não está ardendo, a senhora está com o seio esquerdo dentro do cinzeiro.

 


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
04 de Agosto, 2020
Na terça Olímpia bateu outro recorde absoluto de casos de covid-19: 70 em 24 horas além de mais uma morte - 195
04 de Agosto, 2020
Cidade em Destaque de terça-feira, 04, teve como tema principal a 11ª morte por covid-19 e a situação da pandemia em Olímpia. - 73
04 de Agosto, 2020
Olímpia registra a 11.ª morte por Covid-19, a primeira em agosto - 210
03 de Agosto, 2020
Olímpia inicia a 1.ª semana de agosto com mais 68 casos de covid-19 e 21 pacientes internados - 206
03 de Agosto, 2020
Cidade em Destaque de segunda-feira, 03.08, comentou mais uma morte na Santa Casa, o funcionamento do gripário e a situação da pandemia. - 134


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites