iFolha - Um acessório chamado sapato

Ifolha - Folha da Região


Olimpia, 31 de Outubro de 2020
ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 31/10/2020
REGISTRE-SE
SUGIRA O SITE PARA UM AMIGO

 


Notícias
Arte e Cultura
Cidades
Comportamento
Economia/Turismo
Educação
Esportes
Falecimentos
Geral
Justiça
Polícia
Política
Saúde
Entretenimento
Bastidores/TV
Beleza
CD/Dicas
Cinema
Classificados
  - Casas
  - Carros
  - Motos
  - Diversos
Coluna da Bruna
Culinária
  - Doces
  - Salgados
Datas
Dicas
Empresas
Horóscopo
Humor
Livros
Notícias/TV
Novelas
Perfil/TV
Viagem
Viver Bem
Opinião
Artigos
Coluna do Arantes
Editorial
Zanoliando
Rádio / TV
Cidade em Destaque
Radio iFolha
TViFOLHA


Olimpia, 14 de Outubro, 2020 - 09:57
Um acessório chamado sapato

1- Os sapatos de salto alto são sinônimos de poder e elegância. E continuam sendo os preferidos! / GB Imagem

 

2- A boa notícia é que a indústria do calçado tem se esforçado muito em pesquisas para melhorar o conforto e a estabilidade oferecidos pelos modelos de salto alto / GB Imagem

 

Embora um grande número de mulheres tenham se rendido totalmente ao conforto e descontração das sapatilhas e rasteirinhas, o sapato de salto alto ainda é um poderoso acessório. E é verdade também que oferta de modelos aumentou muito e tem para todos os gostos e para todos os bolsos. E vale citar os cobiçados sapatos criados por grifes famosas cujos preços são inacessíveis para a maioria, mas que imediatamente ganham similares que copiam alguns detalhes do modelito chique. Assim, ninguém passa vontade de ter um calçado “na moda”.

Na verdade, os sapatos sempre foram o objeto de desejo das mulheres. Alguns homens (maridos, principalmente) dizem não entender porque suas companheiras precisam de tantos sapatos, mas quem é mulher sabe muito bem o porquê desta necessidade de ter vários modelos, cada qual para uma ocasião; tem os de festa, os do dia a dia, os da ginástica e caminhada, os que combinam com jeans, os que combinam com saias longas, os que combinam com a minissaia etc etc.

O fato é que cento e dez entre cem mulheres adoram sapatos. E vamos combinar que a indústria especializada no assunto tem caprichado nos modelos e as opções são inúmeras. Aqueles de saltos altos são o objeto do desejo de todas, são sinônimos de elegância, sensualidade e “poder”.

Mas (tinha que ter um “mas”!), a escolha de modelos inadequados coloca em risco a saúde porque pode ocasionar lesões e deformidades.

Especialistas em Ortopedia contam que as dores, lesões e deformidades são exemplos dos inúmeros transtornos que uma pessoa pode enfrentar ao fazer a escolha errada do calçado. Os primeiros sintomas são a formação de bolhas e calos, principalmente nos dedos e no calcanhar; tem ainda a dor na face plantar do pé, o desconforto ao caminhar e o grande alívio ao retirar o sapato. Ao insistir no modelo inadequado, a pessoa pode enfrentar a formação de neuromas, calosidade nas regiões interdigitais e plantares, acentuação e desenvolvimento de joanete e fascite plantar, o temido esporão de calcâneo. Todos inimigos da beleza dos pés, além de tudo.

Um dos equívocos mais comuns na compra dos calçados é a escolha de um sapato apertado, com a expectativa de que ele vá "folgar" com o uso. No ato da compra, é preciso que exista espaço entre o dedo maior e a ponta do calçado. Além disso, é fundamental evitar calçados que comprimam a região dos metatarsos (parte mediana do pé). É preciso testar o sapato para verificar se está confortável e bem adaptado ao pé.

É bom saber: o pé se modifica com o passar do tempo e tende a aumentar com a idade. E mais, normalmente, ao final do dia verifica-se certo inchaço, por isso fique atento ao horário em que for comprar os seus calçados.  Ao testar o modelo, verifique se os dedos movem-se livremente dentro do calçado. Para quem é atleta, é bom optar pelo formato de tênis ideal para a modalidade praticada. O tênis de corrida, por exemplo, deve apresentar algum sistema de absorção de impacto. Já aqueles destinados ao basquete contam com solado mais firme para garantir a estabilidade e sistema de proteção para reduzir risco de entorse de tornozelo, e assim por diante.

Entre homens e mulheres, quem mais sofre com a escolha errada do sapato são elas, já que muitas não abrem mão do salto alto. Nesse caso, a dica é não abusar. O segredo é evitar usá-los por muitas horas seguidas. Vale lembrar que a busca pela elegância não deve colocar em risco a saúde.

Notícia boa. As pesquisas para melhorar o conforto dos pés dentro de sapatos com saltos altos evoluíram. Atualmente, é possível encontrar calçados cujos saltos estão posicionados de modo a dar mais conforto ao calcanhar. Outra boa opção são as plataformas que garantem mais estabilidade aos pés, mas mesmo assim fique atenta para os modelos muito altos que geralmente são mais estreitos e assim não dão tanta estabilidade ao andar.

Outra notícia boa é que as sapatilhas e as rasteirinhas estão  sempre “na moda”. Em alta principalmente aqueles com adereços em pedrarias coloridas, sendo que o dourado e tons afins continuam em alta. Outra “queridinha” é a sapatilha de bico fino. Ela alonga as pernas.

As sapatilhas vão bem com a maioria das peças do vestuário. Daí pode usar e abusar sem medo de ser deselegante. Os pés agradecem.


Comentários - 0
Seja o primeiro a comentar
 
Ultimas Noticias
31 de Outubro, 2020
Debate entre os candidatos a prefeito de Olímpia será na 4ª feira na OAB e transmitido por consórcio de imprensa - 43
31 de Outubro, 2020
Acidente mata o presidente do Conselho do Thermas advogado Mário F. Montini - 1137
29 de Outubro, 2020
Motorista da Daemo denúncia suposta proposta para sabotar água da cidade e juiz manda suspender o “Blog da Verdade” foram os principais assuntos do Cidade em Destaque de quinta-feira, 29. - 256
29 de Outubro, 2020
Gravação surpresa do vereador Niquinha agradecendo as orações que recebeu, mais uma morte por Covid-19 e a extinção do processo do “chapeludo” foram os temas principais do Cidade em Destaque de quarta-feira, 28. - 209
28 de Outubro, 2020
Prefeitura interdita ponte na vicinal Matadouro/Kimberlit - 186


Compartilhe: Facebook Orkut Twitter
       








Site oficial do jornal Folha da Região de Olímpia | Fone: (17) 3281 6432
Desenvolvido por Infinity Web Sites